top of page

Da minha Janela!



Comecei minha carreira na rede municipal de ensino da cidade de São Paulo, em 1991, como professora de Ed. Infantil na EMEI Profa. Olga Kalil Menah, em Pirituba, onde trabalhei por 03 (três) anos consecutivos. Por isso, foi com grande satisfação e ancorada em memórias afetivas que recebi por intermédio da Coordenadora Pedagógica da escola, Profa. Creusa Cândida dos Santos Silva, a experiência vivida pelas(os) educadoras(es) no Projeto Janelas.

O que vejo da minha Janela?

Este foi o caminho encontrado pela equipe escolar para viver a formação nos tempos de educação remota. Foi olhando pelas janelas que as educadoras fizeram sua travessia formativa. Assim, espiaram pelas frestas as possibilidades, se debruçaram em balcões e parapeitos para alargar suas experiências; construíram pontes, respiraram, acolheram, enfrentaram seus medos e fizeram sua travessia em rodas rítmicas.

Como elas(es) mesmas(os) dizem: - janelas são fundamentais numa habitação. A metáfora da janela alimentou o processo formativo e promoveu a vivência de ações fundamentais ao ato de educar: respirar, conhecer, dialogar, aprofundar.

A experiência da EMEI Profa Olga Kalil Menah dá a ver a potência das metáforas e das provocações estéticas na formação das(os) professoras(es).

É uma honra e uma alegria poder publicar e compartilhar no nosso site!



Da minha Janela
.pdf
Download PDF • 2.70MB

30 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page